Polícia prende homem que vendeu caminhonete alugada e tentou registrar B.O

A Polícia Civil de Dourados, por meio do SIG (Serviço de Investigação Geral ) prendeu nesta quarta-feira (15) um homem tentou dar um golpe um uma locadora de veículos. Ele compareceu a Depac para registrar o  roubo de uma caminhonete camionete a diesel, ano 2019, modelo 2020, que teria alugado, mas que ele mesmo vendou o veículo no Paraguai.

Segundo a polícia, ele alegou que na terça-feira,  ao parar o carro na beira da estrada, no distrito de Anhandui, que juntamente com a esposa, eles foram abordados por quatro indivíduos que estavam em um automóvel, dois deles portando armas de fogo do tipo pistola. No depoimento ele disse,  que após terem sido deixados em um local isolado, conseguiram carona com um caminhoneiro que os transportaram até Dourados.

Ao ser questionado pelos agentes do SIG o indivíduo, após várias contradições, alegou que teria mentido sobre estar na companhia de sua esposa, tendo se deslocado sozinho para conhecer a cidade de Bonito. Sobre a vinda até a Delegacia, a suposta vítima do roubo expôs que um mototaxista teria transportado-o gratuitamente do local onde foi deixado pelo caminhoneiro, uma vez que os autores do roubo haviam levado todo o dinheiro e cartões bancários por ele portados.

Em seguida os policiais identificaram o mototaxista que transportou essa pessoa até a Delegacia, que relatou o fato de o transporte não ter sido gratuito. Os agentes do SIG também descobriram a alegada vítima havia deixado em um local os cartões bancários a ela pertencentes, dinheiro e aparelho celular.

A polícia também apurou que o acusado  havia embarcado de Coronel Sapucaia com destino a Dourados na manha de quarta-feira, sendo identificado que ele comercializou a camionete alugada, avaliada em  R$ 130.000,00, no Paraguai.

Fonte: Mídia Max

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here