Dupla usaria carro roubado em sequestro para jogar drogas na Máxima

Dois bandidos, de 20 e 17 anos, foram detidos em flagrante pelo Batalhão de Choque (tropa de elite da PM) na noite de domingo (11) após serem flagrados com um HB20 tomado de duas jovens que sofreram um sequestro-relâmpago horas antes, na região central de Campo Grande. O objetivo seria o de jogar quase um quilo de maconha para dentro do Presídio de Segurança Máxima da Capital, no Jardim Noroeste, região leste.

O caso veio à tona já na madrugada desta segunda-feira (12), quando o veículo foi localizado na casa do adolescente no bairro Universitário, região sul, com as 980 gramas de maconha e uma balança de precisão. Mas a história começou bem antes.

Pela tarde, as jovens, de 25 e 20 anos, comiam em uma lanchonete nas cercanias da Praça Belmir Fidalgo, na região central, quando foram abordadas por uma dupla. Elas foram mantidas reféns dentro do carro por alguns minutos e liberadas, a pé, na Avenida Fernanco Corrêa da Costa. O HB20 fora levado.

As vítimas então seguiram para a Depac do centro, onde o caso fora registrado. E aí o Choque foi acionado para localizar o veículo.

Não demorou muito. Informações obtidas pelos policiais mostraram que o veículo poderia estar com o acusado de 20 anos. Na casa dele, também no bairro Universitário, ele confessou que escondera o carro na casa do adolescente. História que logo se provou verdadeira.

A dupla foi levada até a Depac, onde as vítimas não reconheceram a dupla como os autores do roubo.

O objetivo do crime era simples: os dois detidos ganhariam R$ 300 para levar a maconha e jogá-la através dos muros da Máxima.

O caso foi registrado na Delegacia Especializada de Furto e Roubo de Veículos, que investigará os bandidos responsáveis pelo roubo do carro.

Fonte: Correio do Estado

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here