Mato Grosso do Sul fecha segundo mês consecutivo com saldo positivo de empregos formais

Pelo segundo mês consecutivo, Mato Grosso do Sul fechou com saldo positivo de empregos formais, resultando em uma variação de 0,51%. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Somente no mês passado foram 2.635 vagas a mais no mercado de trabalho sul-mato-grossense. Foram 16.251 contratações contra 13.616 desligamentos.

O resultado foi puxado pela boa atuação da indústria, com a criação de 1.438 vagas, seguido do comércio (943), serviços (556) e construção com 130 novas vagas. No lado oposto, a agropecuária registrou saldo negativo em 432 empregos.

BRASIL

Depois de vários meses extinguindo postos de trabalho por causa da pandemia do coronavírus, o país voltou a criar empregos formais em julho.

Segundo dados divulgados pelo Caged, da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, 131.010 postos de trabalho com carteira assinada foram abertos no último mês.

O indicador mede a diferença entre contratações e demissões.

Essa foi a primeira vez desde fevereiro em que o emprego formal cresceu.

No acumulado do ano, no entanto, o mercado de trabalho continua sentindo o impacto da pandemia.

De janeiro a julho, foram fechadas 1.092.578 vagas, o pior resultado para os sete primeiros meses do ano desde o início da série histórica, em 2010.

Fonte: Correio do Estado

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here