Mulher é atropelada, tem crânio dilacerado e motorista foge

Mulher ainda não identificada morreu no final da noite de ontem (29) após ser atropelada no Indubrasil, em Campo Grande. O motorista fugiu sem prestar socorro à vítima. Foi o segundo caso da noite.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a mulher, ainda não identificada, seguia pela Rua Rua Indaiatuba, quando foi atropelada em frente a uma tabacaria. O motorista fugiu sem prestar socorro.

O Corpo de Bombeiros e o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foram acionados, mas quando chegaram ao local a mulher já estava sem vida. Conforme os socorristas, a vítima teve o crânio dilacerado e também não portava documentos pessoais.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.

Outro acidente – Na BR-163, em frente ao Posto Locatelli, saída para São Paulo, Haroldo Martins de Freitas, de 79 anos, morreu atropelado. Foi identificado como Gilmar Guimarães da Luz, de 37 anos, o condutor do veículo que fugiu sem prestar socorro.

Haroldo caminhava no acostamento da rodovia, quando foi atingido pelo veículo Ecosport que era conduzido por Gilmar. Apesar de ter sido identificado o suspeito, ainda não foi preso. Após a batida ele deixou o veículo a alguns metros do acidente e fugiu.

Fonte: Campo Grande News

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here