Homem mata esposa com 6 facadas, liga para avisar amigo e foge na madrugada

Este já é o 26º feminicídio registrado em MS somente este ano

Grazielly Karine Soares Alves de Lima, de 28 anos, foi assassinada a facadas em uma residência na Rua Edu Rocha, Bairro Popular Nova, em Corumbá, a 219 quilômetros de Campo Grande. O ex-marido é suspeito de cometer o crime, por volta das 2 horas da madrugada desta quarta-feira (22). Ele ainda teria ligado para um amigo do casal afirmando que fez uma besteira e depois fugiu.

A Polícia Militar informou que foi acionada pelo amigo do casal. O rapaz contou que recebeu uma ligação de madrugada do ex-marido de Grazielly, um homem de 33 anos, identificado como Edmilson Veríssimo dos Reis, dizendo que tinha acabado com sua vida e havia matado a esposa.

O amigo foi até a casa e encontrou apenas a vítima, muito sangue no local e acionou o Corpo de Bombeiros. A vítima estava sentada em um sofá, com várias perfurações e sem sinais vitais, sendo o óbito confirmado. O cômodo, entre cozinha e sala, estavam bagunçados, com várias garrafas de cerveja quebradas.

A Polícia Militar fez o isolamento do local do crime até a chegada da perícia criminal, que fez os procedimentos necessários e encaminhou o corpo para exames necroscópicos. Perícia preliminar encontrou seis perfurações, causadas possivelmente por uma faca, que não foi localizada. O suspeito é procurado pela polícia.

26º feminicídio de MS – Este já é o 26º feminicídio registrado em Mato Grosso do Sul em 2022. O último caso ocorreu em Dourados, a 225 quilômetros da Capital. Lucilene Nobel da Silva, de 38 anos, foi morta com tiro no peito pelo ex-marido, Roberto Moraes de Oliveira, de 45 anos, na madrugada desta quinta-feira, 16 de junho, na Rua Quito de Matos, na região do Guassú. – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here