Sem atingir meta, Sesau faz apelo para que população se vacine contra gripe

A vacinação contra a gripe começou há 20 dias e o resultado não foi o esperado em Campo Grande. A vacinação ficou abaixo da meta estabelecida pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) na primeira fase da campanha, que inclui crianças de 1 ano a menores de 6 anos de idade, além de gestantes e puerpérias (com até 45 dias após o parto).

O titular da Sesau, José Mauro Filho, afirma que menos da metade do público-alvo para a primeira fase foi vacinado. “As crianças, as gestantes e as puérperas, em torno de 30% a 40%, o que é muito baixo do que a gente esperava. Então a gente faz um apelo à comunidade para se vacinar, porque é um tipo de situação em que a gente não pode pagar para ver. A vacina é segura, é a única maneira da gente se prevenir”, diz.

O secretário fez um apelo para que a população procure os postos de saúde de acordo com a faixa de risco e com a faixa etária. Neste sábado (4), será realizado o Dia D da vacinação contra a gripe.

A segunda fase da vacinação começou na semana passada e contempla idosos, profissionais da saúde e professores, pacientes com doenças crônicas, povos indígenas, adolescentes que cumprem medidas socioeducativas e presidiários. Segundo o Ministério da Saúde, a meta é vacinar pelo menos 90% desse público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here