Boletim comparativo de alta temporada do ObservaturMS mostra crescimento no fluxo turístico

O Observatório do Turismo de Mato Grosso do Sul (ObservaturMS), da Fundação de Turismo do estado, divulgou nesta segunda-feira (22.4) o boletim especial Fluxo Turístico – Alta Temporada MS. O comparativo é do período de Dezembro/17 a Janeiro/18 e Dezembro/18 a Janeiro/19.

Segundo o boletim especial, foi observado um aumento de 5,1% de turistas desembarcados no Aeroporto Internacional de Campo Grande. Na taxa de ocupação hoteleira de Bonito, principal destino da região turística Bonito – Serra da Bodoquena, houve um aumento de 8,2% no período mais recente em comparação ao anterior. Campo Grande também apresentou um aumento na taxa de ocupação, de 7,1%.

No período de dezembro de 2018 a janeiro de 2019, destaque para a entrada de turistas estrangeiros pelo aeroporto internacional, que teve o Japão como principal país emissor, seguido de Espanha e Holanda.  Entre os principais mercados emissores nacionais nesse período e meio de transporte estão São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná.

Pela Rodoviária de Campo Grande, o ObservaturMS aponta Canadá, Holanda e Venezuela, respectivamente, como principais destinos internacionais emissores para Mato Grosso do Sul no último período. No mercado nacional no mesmo período, os estados de São Paulo, Mato Grosso e Paraná são os estados que mais demandam turistas rodoviários para Mato Grosso do Sul.

Confira o comparativo completo de Dezembro/17 a Janeiro/18 e Dezembro/18 a Janeiro/19, no boletim Especial Fluxo – Turístico Alta Temporada MS: www.observatorioturismo.ms.gov.br/boletim-especial.

Débora Bordin – Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul / Foto: Prefeitura de Bonito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here