Sul-mato-grossenses já pagaram R$ 7,162 bilhões em impostos

Em pouco mais de três meses, os sul-mato-grossenses já pagaram R$7,162 bilhões em impostos, conforme o Impostômetro da Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG), e corresponde a R$ 2,387 bilhões ao mês.  A cifra, alcançada com sete dias de antecedência em relação ao ano passado, representa o total de multas, taxas, contribuições e impostos pagos pelos contribuintes desde o primeiro dia do ano.

Somente em Campo Grande, o contribuinte pagou R$ 338,186 milhões em tributos municipais, ainda segundo o levantamento. Em todo o Brasil, o montante chega a R$ 701,161 bilhões conforme dados do Impostômetro. No ano passado, esse valor foi atingido com seis dias mais tarde, em 15 de abril.

De acordo com o economista-chefe da ACICG, Normann Kallmus, esse aumento na arrecadação de tributos pode impactar na capacidade de crescimento do País. “O aumento da arrecadação, além de gerar uma insatisfação dos agentes produtivos, também tem como resultado a redução da capacidade de crescimento do PIB”, destacou.

IMPOSTÔMETRO

A metodologia do Impostômetro considera todos os valores arrecadados pelas três esferas de governo. São somados impostos, taxas e contribuições, incluindo multas, juros e correção monetária. Para o levantamento, são utilizados dados da Receita Federal, Secretaria do Tesouro Nacional, Caixa Econômica Federal, Tribunal de Contas da União (TCU), além dos Tribunais de Contas dos Estados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here