Emboscada no Tiradentes: rixa antiga com 1 dos mortos seria causa de assassinato de dois

Uma rixa antiga seria a causa do assassinato de Deynner Araujo do Prado, de 25 anos, e de Vitor Gabriel Pinheiro, de 18 anos, na noite desta quarta-feira (16), no bairro Tiradentes, em Campo Grande.

Os dois rapazes foram mortos com pelo menos oito tiros de pistola 9mm, em uma embocada armada contra eles por dois homens, que ainda não foram identificados. Segundo o delegado José Roberto da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Piratininga, nenhuma linha de investigação é descartada, inclusive uma possível ligação com facção criminosa.

Deynner e Vitor Gabriel foram atraídos até uma praça no bairro para negociar a venda de uma pistola, que seria de propriedade de Vitor, e quando chegaram no local, os autores que estavam em uma motocicleta desceram e pediram para que o carregador da pistola fosse tirado, sendo que neste momento eles passaram a efetuar vários disparos.

Vitor foi executado com quatro tiros, dois nas mãos, um no peito e outro no rosto próximo ao nariz, já Deynner foi atingido com três tiros nas costas, um na cabeça e no ombro. Os executores não sabiam que dentro do carro estava um adolescente de 14 anos, que foi ferido com um tiro de raspão no joelho, sendo socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado para atendimento médico.

Ainda segundo o delegado, o alvo da dupla armada seria Vitor Gabriel, morador da Vila Nhanhá. Com Vitor a polícia encontrou R$ 700. Outros objetos foram encontrados no carro. A vítima tinha passagens quando menor de idade por tráfico de drogas. Dentro do carro ainda foram encontrados três pen drives, uma caixa de som e uma bateria com um pneu na carroceria.

Durante a execução dos dois rapazes, o carro em que as vítimas estavam acabou batendo contra um poste deixando parte do bairro sem energia elétrica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here